Mensagens‎ > ‎

APAGUE A AUTO-PIEDADE

postado em 13 de dez de 2011 17:07 por Usuário desconhecido
Nunca tenha piedade de si mesmo. Nunca faça isso. Olhe para o lado. Abra os olhos. Veja. Tem alguém enfrentando desafio pior que o teu. Tem alguém que acorda, levanta e luta, mesmo vendo pela frente um dia que você nunca teve (nem em pesadelos). Abra os olhos. Você enfrenta a dor, outros enfrentam a morte. Você sente falta de conforto, outros sentem falta de comida. Você queria ter sucesso, outros queriam uma noite de sono (sem temer pela vida). Veja. Você guarda mágoa de alguém, outros guardam no peito um vazio: perderam um pai, perderam um filho. Entenda. A dor humana pode ser gigantesca, mas grande é a promessa que todo dia traz. Não fuja do dia, não fuja do sol, não se esconda da vida. Quanto maior a dificuldade agora, maior a paz depois quando ela tiver passado (e vai).

Seja uma mulher forte, seja um homem forte. Cresça como se fazia nos bons e velhos tempos: Assuma sua vida! É a única vida que é sua, e é a única coisa que podes assumir. Quem abraça a auto-piedade larga da vida. Esse travesseirinho molhado de lágrimas não vale (nem de longe) uma vida. Viva a sua vida, viva agora, porque ninguém mais se importa com ela. Ninguém realmente quer saber se você está chorando. Ninguém realmente tem a chave para teu estado mental. Ninguém está pensando se vai aguentar mais um dia você de cabeça baixa. Mas você devia.

A estrada pode parecer longa demais. Esqueça a estrada! Dê um passo agora. Dê um passo já. Não pense no passo seguinte se não deu o primeiro passo. Não existe estrada nenhuma. Existe só o passo. E talvez um outro. Mas pense nisso depois. E, outra coisa, não tente fazer nada. Não tente! Faça. Ou não faça. Mas não tente! Só faça. Ou não.

Preocupações? Não se preocupe, se ocupe! Sucesso é inspiração, mas é muito mais transpiração. Você está parado. Você espera a inspiração para começar a se mover. Espera aquela idéia de gênio, aquela visão clara, o corredor desimpedido até o gol. Não faça! Parta para a ação, pois a ação quase sempre traz inspiração — mas a inspiração com muita frequencia não leva à ação. Assim mexa-se já! Exponha-se! Tome vários ângulos! Ouça as crianças. Sinta os cheiros do mato. Molhe os pés na mangueira.

Acima de tudo, fuja da tua casca. Você não é o centro do universo. O mundo não foi feito para te torturar (nem para te alegrar). As coisas não conspiram contra você — e nem a seu favor. O vento sopra, o galo canta, o caminhão baixa a marcha, sobe a ladeira, o diesel queimado fede no ar, e o vento sopra. Nada tem a ver com nada. Cada coisa faz parte do todo. E você no meio. Não no centro, mas no meio. Pronto para levantar a cabeça. Não tente. Levante. Ou não levante. Mas não tente.

Deixe-se voar como um grão de areia. Viaje pelo mundo, sem nunca esquecer de que és um pequeno, microscópico, grão de areia. Ninguém tem pena de um grão de areia, nem de uma folha que cai de uma árvore, nem de uma borboleta que nasce e morre em um mesmo dia: tão maravilhoso, tão longo dia.

Dê para alguém o seu dia. Faça isso. O seu dia é a coisa mais preciosa que você tem, e se você não o guardar para si, mas der para alguém, estará fazendo a maior bondade de que serás jamais capaz. Reflita. Não simplesmente “venda” o seu dia. Não simplesmente “aproveite” o seu dia. Não simplesmente faça aquela história de “uma mão lava a outra”. Nada disso. Realmente dê o seu dia: é o que você tem para dar. Dinheiro, sorrisos, desdém, tudo é trocado sem valor. Mas dê o seu dia para alguém que precisa, para alguém que você sabe que não poderá retribuir. Surpreenda uma pessoa, faça algo que será lembrado. Os ecos do seu dia podem soar por muitos dias, por meses, por anos. Eles podem soar por séculos, e dar alegrias e realização inimagináveis, se você não os queimar na fogueira egocêntrica da auto-piedade.

**************************************************************

Shalom! Eder Pinheiro
www.comunidademakadesh.com
(Segue foto que tirei da Igreja de Todas As nações em Jerusalém, Yisrael)
Comments